Busca:

  Notícia
 
Camaçarico 8 de abril 2019


Torniquete O alcaide Antonio Elinaldo (DEM) não precisa da oposição para gerar fatos e movimentos que desgastem a sua imagem de gestor e o consequente aumento das escoriações na sua candidatura a reeleição em 2020. A mais nova barbeiragem praticada pela sua equipe de estrategistas foi a criação de duas tarifas de ônibus, numa clara manobra para beneficiar empresários dos transportes coletivos de Camaçari.

Torniquete 2  Mesmo reconhecidos pelo péssimo serviço que prestam à população, segmento foi brindado com um decreto que pode cair mais adiante, por decisão da Justiça, provocando assim mais um arranhão na gestão do demista. Ao criar duas passagens, uma para quem tem o Camaçari Card e outra para o passageiro que paga em dinheiro, a prefeitura obriga o cidadão a financiar o sistema de transporte coletivo ruim com o pagamento antecipado da passagem.


Torniquete  3  Tendência irreversível nas grandes cidades e em qualquer banda do planeta, o uso do dinheiro de plástico (cartão pré-pago) em ônibus, metrô e outros modais de transporte, precisa ser precedido de qualidade, coisa que a frota de buzus de Camaçari não oferece. E, nem parece próxima de apresentar esse resultado exigido pela legislação e pela necessidade  crescente de  facilitar a mobilidade da população. Basta recordar o Termo de Ajustamento de Conduta entre prefeitura e o Ministério Público Estadual (MPE). TAC se arrasta desde 2013, ainda na gestão do alcaide Ademar Delgado, ex-petista e hoje sem pouso partidário, mas integrante da base do governador Rui Costa (PT).


Torniquete 4  Se o prefeito quer estimular o uso do Camaçari Card, atualmente usado por cerca de 30% dos passageiros, segundo apurou a Coluna, que inicie uma campanha com prazos e todos os requisitos que a transparência com a coisa pública exigem. Da forma como foi feita não se trata de 'desconto' para quem paga com cartão pré-pago. É punição sem aviso para que desenbolsa dinheiro no torniquete. 


Torniquete 5 O castigo não fica claro apenas quando se constata que todos os atuais postos de adesão ao sistema de cartão estão instalados na Sede. É no bolso que a dor é maior. Mudança implicou num aumento da passagem entre R$ 25 centavos a R$ 65 centavos de acordo com o roteiro da linha, para quem paga em dinheiro. 


Torniquete 6 Nessa conta quem paga mais é justamente o passageiro que usa as cerca de 20 linhas que circulam na Sede. Responsável por mais de 60% dos cerca de 70 mil  passageiros (algo em torno de 2 milhões/mês) que usam diariamente o  serviço de ônibus e micro-ônibus, usuários das linhas da Sede foram brindados com o  maior aumento. Tarifas passaram  de R$ 2,60 para R$ 3,00 (12%), para quem possui o Camaçari Card. Já os usuários das mesmas linhas que circulam na Sede e pagam a passagem em dinheiro estão pagando desde sábado (6) R$ 3,25, um reajuste de 25%. 


Torniquete 7 Como informou o Camaçari Agora ainda na noite de quinta-feira (Confira), a novidade com a aplicação de duas tarifas atinge usuários de todo o município, com preços que vão dos R$ 3,25 para os  trajetos dentro da Sede, a R$ 5,50 para usuários sem o Camaçari Card que utilizam as 15 linhas oficiais listadas para a orla e zona rural, mas que na prática terminam sendo reduzidas com a adequação de trajetos para localidades como de Barra do Pojuca, Jordão e Tiririca. 


Torniquete 8  Reforça essa conta aparentemente difícil de fazer, mas fácil de entender, como a medida é generosa com os donos de buzú, é o percentual de usuários do Camaçari Card, que a Coluna apurou não passar da faixa de 30%. Portanto, cerca de 70%, ou 7 em cada 10 usuários do sistema pagam em dinheiro.


Torniquete 9 A precariedade do sistema não atinge apenas o motor, a chaparia e o chassis dessa frota de cerca de 150 veículos. Ainda segundo apurou o Camaçarico, o sistema de transporte coletivo de Camaçari é quase uma caixa-preta. Além de não existir auditoria sobre custos necessários para a definição de tarifa e de outras variantes indispensáveis para a determinação de um preço justo, município pouco sabe sobre os números do Camaçari Card. Administrado pelas próprias empresas de ônibus, sistema que opera sem a devida fiscalização da prefeitura termina punindo o passageiro com a cobrança de duas tarifas por mero descumprimento da mudança automática no roteiro de integração bairro/centro.


Torniquete 10  Também entra nesse mesmo cofre cheio de segredos a nunca cumprida promessa de implantar a meia passagem aos domingos, projeto do Democratas, implantado em Salvador, mas esquecido desde 2017 pelos autores da proposição apresentada ainda na gestão passada.   


Resgate  O professor, pesquisador e historiador Diego Copque comanda aula no próximo sábado (13), a partir das 14h, na associação de moradores de Cordoaria, zona rural de Camaçari. Durante o encontro com a comunidade do antigo sítio quilombola, e aberto ao público em geral, Diego Copque, situa Cordoaria e sua importância histórica e de resistência a partir do século 19.  


Resgate 2 O historiador, que espera a boa vontade e a sensibilidade das autoridades municipais para editar o seu livro Do Joanes ao Jacuípe, uma história de muitas querelas, tensões e disputas locais,  também traça um panorama da Camaçari e sua importância econômica e política na Independência da Bahia, detalhado em recente artigo publicado na seção Colunistas do Camaçari Agora (Confira). 


Confira todas as Colunas acessando o link    http://www.camacariagora.com.br/camacari.php 


João Leite Filho  joaoleite01@gmail.com (Editor) 


8/4/2019

Mais Notícias

Camaçari registra 31 novos casos de Covid-19 em 24h
Mega Sena acumula e tem prêmio de R$ 50 milhões no sábado
Volks reconhece apoio à ditadura e faz acordo de R$ 36 milhões
População mais pobre corre mais risco de ser infectada pela Covid
Quanto você realmente deve?
Camaçari registra 17 novos casos de Covid-19 em 24h
Bahia registra a maior taxa de desempregados do Brasil
Cabo eleitoral
Brasil precisa de mais água potável para atender população
Brasil tem dois na lista dos 100 mais influentes do mundo


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2020 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL