Busca:

  Notícia
 
Coluna Camaçarico 27 de maio de 2016


Conexão Quem vai substituir Jailce Andrade (PCdoB) na secretaria de governo? Solução para a vaga com a desincompatibilização do cargo, prevista para o começo da próxima semana, tem dado dor de cabeça ao alcaide Ademar Delgado (sem partido). Os nomes mais cotados por ordem alfabética são: Joelson Macedo (PCdoB), subsecretário da cultura (Secult); Raimundo Blumetti (sem partido), titular do turismo (Setur); e Zi Chagas, atual secretária de administração (Secad). Até o ex-secretário Carlos Silveira (PSOL) chegou a ser sondado, mas declinou. Provavelmente, não quer a responsabilidade de apagar a luz. 


SOS Natureza A prefeitura precisa abrir os olhos e garantir a preservação dos milhões de metros quadrados da APP (área de proteção permanente) localizada entre o antigo emissário submarino e a região conhecida como ‘planeta água’, orla de Camaçari. Começam a pipocar invasões com respaldo de gente grande. Além dos sem moradia, fonte ouvida pela Coluna garante que tentativas de ocupação contam com o apoio de gente do ‘colarinho branco’, e até policiais. 


Suspiro A Sra. Ana Lúcia Alves da Silveira, presidente da ONG Instituto professor Raimundo Pinheiro, gestora da Cidade do Saber, é mesmo uma pessoa de sorte. Condenada pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) a ressarcir aos cofres públicos, com recursos da sua própria bolsa, pouco mais de R$ 852 mil, como mostrou o Camaçari Agora (Confira), apresentou recurso e conseguiu reduzir condenação  para R$ 779 mil. 


Suspiro 2 Graças ao cochilo dos auditores do TCM, a gestora da Cidade do Saber, programa bancado pelos cofres de Camaçari, escapou de somar a esse débito a módica quantia que pode chegar a cerca de R$ 1 milhão. È que a auditoria datada de julho de 2014, base para a condenação da gestora, averiguou apenas parte dos recursos repassados em 2012 para a Cicoop (Cooperativa de Trabalho de Consultores Independentes). Como mostrou a Coluna em outubro do ano passado (Confira), técnicos também ignoraram os repasses feitos no mesmo ano à cooperativa Unitrab (União dos Trabalhadores Autônomos LTDA). 


Suspiro 3 Risco de baque na bolsa da gestora se mostra ainda maior com a soma dos R$ 249 mil referentes aos meses de março, abril e novembro de 2012, pagos à Cicoop e não computados pelo TCM, que também não viu os repasses para a cooperativa Unitrab. Contratada para realizar serviços consultoria, cursos e treinamentos, a Unitrab, que sequer aparece na auditoria do TCM, recebeu em 2012, da Cidade do Saber, R$ 779 mil. Resumindo: R$ 779 mil (da condenação) + os R$ 249 mil (referentes aos 3 meses da Cicoop que o TCM não identificou) + os R$ 770 mil da Unitrab (que não entraram na auditoria). Caso não apresente comprovações destes  pagamentos, baque na bolsa da gestora pode chegar a R$ 1 milhão 788 mil. 


Imagem  As agências de propaganda Leiaute e Tempo continuam atendendo a conta da prefeitura de Camaçari. O valor teto do contrato, entre junho deste ano e o mesmo mês de 2017, é de R$ 14 milhões. Serviços incluem criação de peças publicitárias, pesquisas e outros instrumentos de avaliação da gestão do alcaide Ademar Delgado (sem partido), até dezembro, e nos primeiros meses da gestão do futuro prefeito, quando será feita nova licitação. 


Imagem 2 O aditivo do contrato por mais 12 meses foi publicado na página 49 do Diário Oficial do Município nº 672 (14 a 20 de maio de 2016 ). Leiaute e Tempo são detentoras da conta da prefeitura desde 2005, início do 2º governo do hoje deputado federal Luiz Caetano (PT), e candidato a voltar ao posto pela 4ª vez. 


Alvejante  Petista histórico acostumado com o ritual da militância e seus sinais exteriores, anda intrigado com o guarda-roupa do companheiro e agora deputado federal Luiz Caetano. Sente falta das vistosas camisas vermelhas que o ex-prefeito e candidato usava com frequência. Garante que a troca pelo estilo mais light, com predominância do branco, começou em 2015. Lembra o ato de sábado (21) passado, na praça Montenegro, quando mais uma vez Caetano fugiu do vermelho.


Sem consenso A eleição de sábado (21) para escolha dos 9 conselheiros representantes das artes e movimentos sociais do Conselho de Cultura de Camaçari ainda apresenta pendências. A Coluna apurou que votação do conselheiro para o segmento ‘patrimônio material e imaterial’, deve ser anulada. Jorge ‘Pica Pau’, o mais votado, disputou o 3º mandato, proibido pelo estatuto da entidade. Votação para representante do segmento ‘livro e literatura’ também sofre questionamentos. Pedido de apuração do processo de habilitação de eleitores já está no Ministério Público Estadual (MPE).


Palestra O deputado federal Helder Salomão (PT-ES) fala sobre ‘A força dos pequenos negócios’, segunda-feira (30), a partir das 18h, no Teatro Cidade do Saber (TCS). Além da palestra do ex-prefeito da cidade capixaba de Cariacica, e membro da frente municipalista da micro e pequena empresa, encontro terá apresentações da ‘cases’ de sucesso de empresários de Camaçari. Evento, com entrada franca, tem a chancela oficial da Associação Comercial e Empresarial de Camaçari (ACEC) e Clube dos Dirigentes Lojistas (CDL).


Sem poesia O empresário José de Lima, o Chitãozinho, que faz dupla com o irmão Xororó, esteve em Camaçari, mas não cantou. Veio fazer o pré-lançamento de um condomínio de cerca de 2 mil moradias, padrão classe média, no antigo Espaço Alpha, região próxima ao Hospital Geral de Camaçari (HGC). Estimado em cerca de 500 milhões de reais, investimento anunciado na última quarta-feira (25), vai ganhar o nome de ‘Evidências’, canção de sucesso da dupla sertaneja paranaense, sócia do empreendimento. Negócio em Camaçari segue a fórmula de parceria do grupo paulista Exsa com outros artistas, como o rei Roberto Carlos.  


Confira todas as Colunas acessando o link http://www.camacariagora.com.br/camacari.php  


João Leite – Editor


27/5/2016

Mais Notícias

Pesquisa mostra crescimento na aceitação de Luciano Huck
Camaçarico 23 de novembro 2017
MP pede o bloqueio de R$ 3 milhões dos bens de Helder
Aposentadoria integral só com 40 anos de contribuição
PF prende casal de ex-governadores do Rio de Janeiro
Juiz Marcelo Bretas diz que a Lava Jato é eterna
Brasil gasta 30% da Previdência com aposentadoria dos mais ricos
MP cobra R$ 3,1 mi de ex-vereador por pagamentos irregulares
ONU considera retrocesso a proposta de proibir o aborto no Brasil
Banco Mundial defende fim do ensino gratuito para os mais ricos


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2017 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL